Blog da comunidade "Carnaval Salvador Eu Vou!"

Posts marcados ‘jammil’

Levi Lima no Jammil ?

Levi Lima, o mais novo contratado da Carreira Solo, do empresário Paulo Borges, deve mesmo assumir os vocais do Jammil a partir de julho, logo após a saída de Tuca Fernandes. Levi estará cantando ao lado do baixista e compositor Manno Góes, que ficou encarregado de reestruturar a banda.

Fonte: Carnasite

Anúncios

Tuca Fernandes em novos projetos

O show do Axé Brasil foi o divisor de águas para Tuca Fernandes, que já se encontra em carreira solo. Antes do show, o Jammil fez questão de mostrar que apoiava o cantor na nova estrada. Em coletiva, ele falou quais serão seus planos de agora em diante.

Sobre a marca Jammil, da qual é sócio, ele diz estar ajustando judicialmente para ver o que é melhor. “Quero seguir meu caminho e espero que a banda Jammil siga o dela”, esclareceu. Ele revelou que está selecionando repertório de seu primeiro CD na nova fase e  disse ter recebido músicas de compositores consagrados como gigi (da banda de Ivete), Ramon Cruz e Anderson Cunha.

Em termos de shows ele já tem agendado eventos como Sauipe Fest, Luau     do Badalada, Balada Trip, Bonfim Light e Carnalfenas. No Carnaval 2012 comandará o Bloco Balada e Camarote Skol.

Fonte:Marrom

“Tuca não vai poder gravar minhas músicas”

A revelação foi do cantor, compositor e baixista Manno Góes durante coletiva, na tarde desta terça-feira, no Mariposa em Ondina. Com a saida de Tuca para uma carreira independente, a  Jammil e Uma Noites continua sob a direção artistica de Manno, que espera apresentar a nova formação da banda, no segundo semestre.

Tranquilo, bem humorado e disposto a responder todas as perguntas, Manno conversou durante  cerca de duas horas com jornalistas e blogueiros. Ele disse que quer Levi lima nos vocais da banda “eu já queria estar ensaiando com o novo cantor, por minha vontade será ele. Mas tudo depende de clausulas contratuais”, revelou. Tuca cumpre os compromissos com a banda até o mês de junho.

Sobre o novo DVD, ele confirmou que será gravado mesmo em Diamantina, Minas Gerais, já com o novo cantor. “Vamos comemorar os 15 anos do Jammil. Por isso que eu não vou liberar minhas músicas para ele gravar. Cantar pode. Mas quem vai gravar nesse disco comemorativo é o Jammil com sua nova formação”.

A respeito da saida de Tuca, Manno disse que achou louvável ele querer partir para um trabalho seu, mas não concocordou com a forma. “Eu vim saber pela imprensa.  O que mais me surpreendeu foi Paulo Borges (empresário) não saber. E Paulo era justamente a pessoa que mantinha esses elo entre a gente, porque todos sabiam do meu distanciamento com Tuca. Não custava nada um simples telefonema”.

Manno revelou ainda ter feito uma proposta para que a banda continuasse quando soube, através de Paulo Borges, que Tuca não queria mais ficar no Jammil  com ele. “Eu disse que me afastava sem problema nenhum e disse que ficaria com a marca durante 1 ano; no segundo receberia 50 por cento e no terceiro sairia de vez. Tuca não topou. Se eu era o problema eu sairia tranquilo, não queria prejudicar uma história de sucesso”.

Lembrou do inicio quando jantou com Tuca no restaurante Felipe Camrão e como não tinha dinheiro para pagar uma champagne  Dom Perion teve que brindar com Malibu. “Quem sabe um dia a gente não se encontre de novo e brinde com a mesma Malibu”, brincou.

Manno confidenciou a vontade de produzir a Jheremias Não Bate Córner como uma banda teneeager. Para quem não lembra foi nessa banda que ele, Tuca e Beto começaram, com apoio de Netinho e depois tiveram uma briga feia. Netinho ficou com a marca e eles montaram a Jammil.

Para encerrar,  falou de sua motivação com o novo projeto; do brilho nos olhos que ele vê em Paulo Borges e Manoel Castro, da produtora Carreira Solo e concluiu que jamais seria um cantor de trio elétrico: Não tenho competencia nem disciplina para isso. Além do que seria impossivel eu ficar cantando oito horas, mandando as pessoas tirarem o pé do chão  e sem poder tomar meu whisk”.

Fonte: Marrom

Nuvem de tags